Farmácia Rangel
Falub
Lacca Laboratório
Belarmino
Pizza Expresso
Cidades

Mostra competitiva do 10º CineCreed será realizada no Case Timbaúba


Mostra competitiva do 10º CineCreed será realizada no Case Timbaúba

Será realizado na próxima segunda-feira (12), no Centro de Atendimento Socioeducativo (Case) Timbaúba, uma das unidades da Fundação de Atendimento Socioeducativo (Funase), o festival CineCreed. O evento, que chega à 10ª edição e ocorre em centros de privação de liberdade para adultos e para adolescentes no Estado, levará para os internos da Funase, uma mostra competitiva com sete curtas-metragens. Pela primeira vez, os socioeducandos poderão não só assistir, mas também votar no melhor filme exibido. De acordo com as informações, os produtores do curta vencedor receberão o troféu Coronel Alcides Romão, além de um prêmio em dinheiro, no valor de R$ 800.

Serão exibidos “Cão Maior” (14 anos, 11’20’’), de Marcelo Leme (MG); “8 Patas” (Livre, 02’25’’), de Fabrício Rabachim, Gabriel Barbosa e Pietro Nicolodi (SP); “Minha Mãe, Minha Filha” (Livre, 16’05’’), de Alexandre Estevanato (SP); “Match” (Livre, 01’00’’), de Raquel Freire (SP); “Maria” (12 anos, 16’45’’), de Elen Linth (AM); “Par Perfeito” (Livre, 11’10’’), de Débora Herling (SC); e “A Piscina de Caíque” (Livre, 15’00’’), de Raphael Gustavo da Silva (GO). Esses filmes compõem a Mostra Competitiva Brasil. Na edição de 2018, o CineCreed ainda conta com a Mostra Competitiva Nordeste, realizada na Colônia Penal Feminina de Abreu e Lima, e com a Mostra Competitiva Pernambuco, realizada na Penitenciária Agroindustrial São João, em Itamaracá.

O festival teve mais de 200 produções inscritas. Os curtas selecionados foram produzidos a partir de 2016 e têm duração máxima de 20 minutos. A curadoria do evento está sendo feita pela 6ª turma do curso de Especialização em Estudos Cinematográficos da Universidade Católica de Pernambuco, sob a coordenação do professor Alexandre Figueirôa. “Todos têm direito de ter acesso à cultura, e isso está sendo assegurado por meio desse evento”, destacou a coordenadora geral do Case Timbaúba, Brenda Pitanga.

Todos os filmes têm classificação indicativa compatível com o público da unidade. Conforme o idealizador do festival e coordenador geral do Programa Exibição de Cinema Social (Preciso), Francisco Pires, a ideia é que, em 2019, a parceria com a Funase avance. “Nosso desejo é não o de fazer apenas uma mostra do CineCreed, mas o de realizar o Cine Funase, com filmes que tenham temas específicos para esses adolescentes”, afirmou.

 

*Com Informações – Assessoria de Comunicação Funase

 


Armazém Loureço
JR Construtora
Cachorro Quente

Compartilhe nas redes


Deixe seu comentário