Falub
Pizza Expresso
Farmácia Rangel
Belarmino
Lacca Laboratório
Aliança

Seis vereadores e doze assessores são investigados por suspeita desvio de meio milhão de reais em Aliança


Seis vereadores e doze assessores são investigados por suspeita desvio de meio milhão de reais em Aliança

Nesta quarta-feira (16) a polícia civil de Pernambuco através do Departamento de Combate à Corrupção e ao crime organizado (DRACO), deflagrou a operação “Anticorrupção II” na cidade de Aliança. A ação policial teve foco de cumprir mandados de busca e apreensão em residência de servidores da câmara de vereadores do município e na sede do poder legislativo municipal em gabinetes de parlamentares. Seis vereadores, entre eles a presidente da câmara Maria José de Oliveira, conhecida “Zinha Oliveira” (DEM) e outros doze servidores são suspeitos de desviar cerca de R$ 500 mil.

De acordo com o Chefe da Polícia Civil de Pernambuco Joselito Kehrle, as pratica identificadas de preliminarmente é de falsidade ideológica, Organização criminosa e peculato. Os servidores recebiam salários com gratificação de 100% e não prestavam serviço na Casa Legislativa em um período de até dois anos. Em colaboração premiada, eles confirmaram que recebiam e não prestavam serviços.

Ao todo foram cumpridos doze mandados de busca e apreensão expedidos pela comarca de Aliança, entre eles em gabinetes de parlamentares. A investigação foi iniciada em agosto de 2018. Confira a entrevista do Chefe da Polícia Civil de Pernambuco Joselito Kehrle ao Voz de Pernambuco:


JR Construtora
Armazém Loureço
Cachorro Quente

Compartilhe nas redes


Deixe seu comentário