Falub
Lacca Laboratório
Pizza Expresso
Farmácia Rangel
Belarmino
Aliança

Seteq estadual levará qualificação para cerca de 500 trabalhadores do Chapéu de Palha na Mata Norte e Sul


Seteq estadual levará qualificação para cerca de 500 trabalhadores do Chapéu de Palha na Mata Norte e SulFoto/ PH_Reinaux/Ascom 

A partir da próxima quarta-feira (25), a Secretaria do Trabalho Emprego e Qualificação estadual (Seteq), inicia uma capacitação direcionada especialmente para cerca de 500 trabalhadores rurais inscritos no programa Chapéu de Palha – aqueles que recebem o benefício no período da entressafra da cana-de-açúcar. Na Mata Norte, os trabalhadores farão os cursos são Itambé, Aliança, Vicência, Araçoiaba, Timbaúba, Condado, Macaparana, Nazaré da Mata e Tracunhaém.

Os trabalhadores serão preparados nas áreas de desenvolvimento sustentável e agricultura familiar, com conteúdo prático e dinâmico. os alunos participarão de cursos dividos em turmas de 33 pessoas, em escolas públicas estaduais. Serão 13 municípios beneficiados, mas aulas serão realizadas em etapas. Os primeiros desta semana são Ribeirão, Água Preta, Catende e Quipapá, na Mata Sul.

De acordo com as informações, a novidade é que esses trabalhadores que recebem um benefício para se sustentar nos meses em que não há corte de cana de açúcar começarão a aprender um outro tipo de profissão para obter uma renda extra e, quem sabe, futuramente, sobreviver apenas dela. Eles vão aprender, por exemplo, a desenvolver um jardim comestível dentro do quintal de casa e obter renda com ele.

“A qualificação complementa a proteção social que os trabalhadores do corte da cana recebem para que eles possam, futuramente, tirar o sustento no próprio quintal. Essa qualificação também pode ajudar futuramente na independência financeira e atende à missão histórica do Chapéu de Palha, que foi criado no primeiro governo de Miguel Arraes, em 1988, retomado pelo governador Eduardo Campos em 2007 e continuado por Paulo Câmara que tem sido muito sensível às causas sociais do nosso Estado”, disse o secretário estadual do Trabalho, Emprego e Qualificação, Alberes Lopes.

A Ação – O programa histórico do Chapéu de Palha é coordenado pela Secretaria de Planejamento e Gestão do governo Paulo Câmara, enquanto a qualificação será realizada pela Secretaria do Trabalho, Emprego e Qualificação estadual. Segundo a assistente técnica da Secretaria Executiva de Trabalho e Qualificação, Lúcia Costa, a qualificação, que será feita pela Cooperativa de Trabalho Agrícola Assistência Técnica e Serviço, engloba vários eixos.

Os trabalhadores do Chapéu de Palha receberão conteúdo programático sobre nutrição, adubagem do solo e compostagem, planejamento de jardins comestíveis, confecção de tecnologias para segurança de água, nutrientes, alimentos e energia, e até mesmo de marketing e empreendedorismo. Entre outros assuntos, eles também terão aulas de cidadania, respeito, ética e acessibilidade, bem como saúde e meio ambiente.

“Eles vão aprender a produzir alimentos no seu próprio quintal, vão receber kits de sementes de hortaliças e sementes medicinais, vão produzir alimentos para eles mesmos de uma forma ecológica e sustentável e, dependendo da produção, podem vender o ano todo, especialmente na entressafra”.

Segundo a Seplag, ao ano, o Programa Chapéu de Palha beneficia cerca de 40 mil trabalhadores em Pernambuco, com investimentos de aproximadamente R$ 40 milhões. O benefício no período da estressafra varia de R$ 271 para os trabalhadores da cana de açúcar e fruticultura, até R$ 281 para os trabalhadores da pesca.

VEJA A PROGRAMAÇÃO

Município          Dia de início         Local

Catende              25/09                    Escola de Referência do Ensino Médio Mendo Sampaio

Ribeirão              26/09                    Escola PE Américo Novais

Água Preta         26/09                    Escola de Referência em Ensino Médio João Vicente Queiroz

Quipapá              26/09                    Colégio Municipal Imaculada Conceição

 

Aliança                08/10                    Escola Dom Bosco

Condado             08/10                    Escola de Referência em Ensino Médio Antônio Correia de Oliveira

Itambé                08/10                    Escola Municipal André Vidal de Negreiros

Vicência              08/10                    (ainda não foi divulgado)

 

Macaparana      10/10                     Escola de Referência em Ensino Médio Creusa de Freitas Cavalcanti

Timbaúba         10/10                      Escola Clóvis Salgado

Nazaré da Mata   10/10                  Escola Dom Carlos Coelho

Tracunhaém      10/10                     Escola Agamenon Magalhães

Araçoiaba           10/10                    Escola de Referência em Ensino Médio Maria Gayão Pessoa Guerra

 

 

 

*Com informações – Seteq


CESP Carpina
Manoel Tomaz
Maxima Contabilidade
Maxima Contabilidade
Armazém Loureço
Cachorro Quente

Compartilhe nas redes


Deixe seu comentário