Belarmino
Lacca Laboratório
Farmácia Rangel
Falub
Pizza Expresso
Agreste

Suspeitos de tentativa de assalto na Agência dos Correios de Bom Jardim são detidos pela Polícia Federal


Suspeitos de tentativa de assalto na Agência dos Correios de Bom Jardim são detidos pela Polícia Federal

Dois criminosos que tentaram assaltar a Agência dos Correios de Bom Jardim, no dia 1º de agosto deste ano, foram detidos na última quarta-feira (11). A ação foi feita em conjunto pela Polícia Federal (PF) em Pernambuco, através da Delegacia de Repressão a Crimes Contra o Patrimônio e Tráfico de Armas (DELEPAT), com apoio da Força Nacional Judiciária.

O Fato – A Agência fica localizada na Avenida José Moreira de Andrade, a 100 km do Recife. A investida ocorrida no dia 1º de agosto, desde a chegada dos suspeitos até a consumação do assalto, durou cerca de 2 minutos e contou com a participação direta de pelo menos 5 assaltantes, sendo 3 dentro da agência com revólveres calibre 38 e mais 2 criminosos do lado de fora dando cobertura ao bando e utilizando um veículo Peugeot de cor preta para dar fuga aos comparsas.

Segundo as informações, após a investida, contra o prédio dos Correios na cidade de Belo Jardim, a Polícia Federal intensificou as investigações e identificou os suspeitos como sendo Jobson Riccelly Santos Barros, 24, que já foi preso por assalto com uso de arma de fogo em Olinda, condenado a 6 anos de reclusão, e Vinícius Oliveira de Souza, 23, que já foi preso por uso de entorpecentes e Lei Maria da Penha, descobrindo os locais onde ambos estavam e realizando a captura deles.

A Captura – Ainda de acordo com as informações da Polícia Federal, como existe um trabalho sendo desenvolvido pela Força Nacional Judiciária, através do Projeto “Em Frente Brasil”, desenvolvido pelo Ministério Justiça e Segurança Pública, alguns militares integraram-se as duas equipes da DELEPAT e Grupo de Pronta Intervenção (GPI) da Polícia Federal para juntos cumprirem 2 Mandados de Prisão Preventiva e 2 de Busca e Apreensão nas residências dos suspeitos.

Ao chegar nos endereços os policiais federais e militares, através de uma ação rápida e eficaz, fizeram um cerco às residências. Um deles, Vinícius, ao perceber a presença do efetivo policial, tentou fugir, porém, foi detido. Na casa dele, também foi encontrada 30 gramas de maconha. Já o outro, não esbouçou nenhum tipo de resistência e sua prisão foi feita sem maiores problemas, de acordo com as informações.

Os suspeitos tomaram ciência dos respectivos mandados de prisão preventiva e busca e apreensão, foram informados dos seus direitos e garantias constitucionais e em seguida, foram levados para a Superintendência da Polícia Federal no bairro do Recife Antigo, para as formalidades legais de Polícia Judiciária, tendo sido indiciados pela prática do crime contida no artigo Art. 157, §2º, I e II do Código Penal (roubo com concussão de duas ou mais pessoas com emprego de arma de fogo) e, caso venham a ser condenados, poderão pegar penas que variam de 4 a 10 anos de reclusão.

Um deles também foi autuado através de um Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO), por ter sido encontrada uma pequena quantidade de maconha na residência dele. Após a autuação, foram feitos exame de corpo de delito no Instituto de Medicina Legal ( IML), passaram pela audiência de custódia, tiveram suas prisões preventivas confirmadas e foram encaminhados para o Centro de Observação e Triagem Professor Everardo Luna (COTEL), onde ficará à disposição da Justiça Federal.

Retrospecto – No dia do assalto, 1º de agosto, a Polícia Militar (BEPI-3ª CIPM-22ºBPM) de Surubim, foi acionada, se dirigiu para o local minutos depois, fez algumas incursões com vistas a capturar os suspeitos e conseguiu deter Fabiano da Silva Nascimento, 26, que já havia sido preso por tráfico de entorpecentes ficando recluso por 4 meses. Jéssica Silva de Lima, 19 e Linday Chayane Alves, 22. Dois três, apenas Fabiano teve a prisão preventiva decretada.

Já no dia 5 de agosto, o 22º Batalhão de Polícia Militar de Surubim, através de rondas e abordagens dentro da Operação Inquietação-Duas Rodas, deteve Douglas Silva da Costa, 26, estava com um celular com registro de roubo. O suspeito franqueou o acesso à residência dele, e lá os militares encontraram 2 revólveres calibres 32 e 38, sendo um deles com registro de furto do vigilante que teve sua arma tomada em assalto quando da investida na agência dos Correios de Bom Jardim. Ao todo, foram apreendidos R$ 1.540 reais, 1 moto Titan e 1 veículo ônix com a placa clonada, além 2,3 Kg de uma substância branca semelhante a cocaína. De acordo com as informações, o suspeito foi o mentor do assalto e possui antecedentes criminais por dois homicídios em Recife.

Segundo a Polícia Federal, dos 5 assaltantes apenas um continua foragido, identificado como Tiago Roberto Vidal de Farias. Qualquer informação que possa levar a captura do último suspeito, pode ser feita através do Disque-Denúncia pelo número 3421-9595. A PF ressalta que as pessoas que colaborarem terão sua identificação, sigilo e anonimato preservados.


Armazém Loureço
Cachorro Quente
Manoel Tomaz
Clínica Dr. Diogenes Vasconselos
CESP Carpina

Compartilhe nas redes


Deixe seu comentário