Lacca Laboratório
Farmácia Rangel
Falub
Aliança

Carpina lidera em número de casos de “Crimes Violentos contra o Patrimônio” na Zona da Mata Norte em 2021


Carpina lidera em número de casos de “Crimes Violentos contra o Patrimônio” na Zona da Mata Norte em 2021Foto: José Mailson / Voz de Pernambuco

A Secretaria de Defesa Social de Pernambuco (SDS-PE) divulgou o número de casos de “Crimes Violentos contra o Patrimônio (CVP)” em Pernambuco. Diante disso a reportagem do Voz de Pernambuco realizou um levantamento dos números de casos nos 19 municípios da Zona da Mata Norte de Pernambuco. Os dados são referentes aos meses de janeiro a outubro de 2021, onde foi constatado que Carpina foi o município que mais obteve registros, aparecendo com 442 casos, seguida por Paudalho, em 2º com 300 casos, e por Goiana, em 3º com 283 casos.

De acordo com a SDS-PE, CVP são todos os crimes classificados como roubo, extorsão mediante sequestro e roubo com restrição da liberdade da vítima, exceto o roubo seguido de morte (latrocínio) que já é contabilizado no indicador de Crimes Violentos Letais e Intencionais (CVLI). Nesse sentido, o roubo é o ato de subtrair coisa alheia móvel, para si ou para outro, mediante grave ameaça ou violência à pessoa (ou não), ou depois de havê-la, por qualquer meio, reduzido à impossibilidade de resistência. Além desse indicador agregado, serão disponibilizados os dados de roubo a ônibus, veículo, carga, agência bancária, caixa-eletrônico e carro forte. Aqui, além dos crimes violentos contra o patrimônio, também serão apresentados os furtos de veículo, carga, agência bancária e caixa-eletrônico, que são aqueles crimes com subtração de coisa alheia móvel para si ou para outros, sem violência ou grave ameaça à pessoa.

Confira o ranking das cidades com mais casos de “Crimes Violentos contra o Patrimônio (CVP)” na Zona da Mata Norte:

1º Carpina – 442 casos

2º Paudalho – 300 casos

3º Goiana – 283 casos

4º Itambé – 175 casos

5º Aliança – 101 casos

6º Timbaúba – 97 casos

7º Glória do Goitá – 92 casos

8º Condado – 84 casos

9º Lagoa de Itaenga – 84 casos

10º Nazaré da Mata – 43 casos

11º Tracunhaém – 36 casos

12º Chã de Alegria – 35 casos

13º Lagoa do Carro – 32 casos

14º Vicência – 31 casos

15º Ferreiros – 25 casos

16º Camutanga – 24 casos

17º Macaparana – 22 casos

18º Itaquitinga – 19 casos

19º Buenos Aires – 14 casos


Maxima Contabilidade
Cachorro Quente
Armazém Loureço
CESP Carpina

Compartilhe nas redes


Deixe seu comentário