Farmácia Rangel
Lacca Laboratório
Falub
Esportes

Brasil vence fácil a Bolívia e Felipão garante 1ª vitória


Brasil vence fácil a Bolívia e Felipão garante 1ª  vitória

BOLÍVIA 0 X 4 BRASIL

Sem dificuldades e contra um rival bem fraco, Neymar e Luiz Felipe Scolari precisaram de apenas 45 minutos para desencantarem com a Seleção neste sábado. Depois de quatro partidas sem marcar, o craque santista balançou a rede duas vezes e ajudou Felipão a conseguir a primeira vitória após o retorno no lugar de Mano Menezes: 4 a 0 sobre a Bolívia, em Santa Cruz de la Sierra, no penúltimo amistoso antes da convocação para a Copa das Confederações. O time pentacampeão abriu 3 a 0 (Leandro Damião também fez) na etapa inicial e depois só marcou aos 46 do segundo tempo, com o palmeirense Leandro.

A partida seria uma homenagem ao jovem boliviano Kevin Beltrán Espada, que morreu durante a partida entre Corinthians e San Jose no último 20 de fevereiro, mas não houve nenhuma menção ao menino no jogo e sua família não compareceu ao estádio Ramon “Tauhichi” Aguilera. As seleções entraram com uma faixa contra a violência no esporte: “Um jogo pela paz e amizade nos estádios.”

Felipão só contou com atletas que atuam no futebol brasileiro e escalou o time titular com Jefferson, Jean, Réver, Dedé e André Santos; Ralf, Paulinho, Jadson e Ronaldinho; Neymar e Leandro Damião. O atacante colorado abriu o placar e depois Neymar marcou duas vezes, no primeiro tempo. Na etapa final, o técnico testou Alexandre Pato, Osvaldo, Leandro e Dória nos lugares de Damião, Neymar, Ronaldinho e Dedé. Mas a Seleção diminuiu o ritmo e passou a criar menos chances de gol. O quarto gol só saiu nos acréscimos.

neymar brasil x bolivia (Foto: AP)
Neymar desencanta após quatro jogos sem marcar com a camisa amarelinha  (Foto: AP)

O último jogo antes da convocação, marcada primeiro para 14 de maio, será no próximo dia 24, contra o Chile, no Mineirão, também só com atletas de clubes brasileiros. Depois, a Seleção fará testes com Inglaterra (2 de junho, no Maracanã) e França (9 de junho, na Arena do Grêmio) antes da Copa das Confederações.

Antes da vitória fácil sobre a Bolívia, que está na penúltima colocação das eliminatórias sul-americanas para a Copa do Mundo de 2014, Felipão havia perdido na estreia por 2 a 1 para a Inglaterra e empatado com Itália (2 a 2) e Rússia (1 a 1).

Fonte: globoesporte


Cachorro Quente
Maxima Contabilidade
Armazém Loureço
CESP Carpina

Compartilhe nas redes


Deixe seu comentário