Falub
Farmácia Rangel
Lacca Laboratório
Esportes

Em meio à “guerra” Santa empata contra o Bota-PB


Em meio à “guerra” Santa empata contra o Bota-PB

Em fase final da intertemporada, Botafogo-PB e Santa Cruz fizeram um amistoso neste sábado, no Estádio Almeidão, em João Pessoa. A partida, que serviu também para a entrega das faixas ao Belo pelo título paraibano, terminou com empate por 1 a 1.

Apesar de festivo, o jogo foi marcado por muita confusão fora de campo. Ainda antes da bola rolar, as torcidas dos dois times se enfrentaram na entrada do estádio. No confronto, os torcedores se agrediram usando pedras e bombas rojão. Para conter os ânimos, a polícia precisou usar balas de borracha. Duas pessoas foram presas e outras duas atingidas por pedras foram encaminhadas para o Hospital de Trauma de João Pessoa.

Em campo, mais um momento para lamentar. O atacante Thiaguinho, do Botafogo, sofreu luxação no tornozelo esquerdo após entrada violenta do zagueiro Everton Sena, no segundo tempo. Comemoração mesmo só aos 13 minutos do primeiro tempo, quando Júnior Xuxa abriu o pacar para o Santa, e nove minutos depois com Lenílson empatando de pênalti.

Jogo equilibrado e definido após jogadas de bola parada

No amistoso deste sábado, tanto o Botafogo como o Santa fizeram um jogo primeiro tempo bem equilibrado. Tanto que os gols saíram de bola parada. Em uma cobrança de falta aos 13 minutos do primeiro tempo, Júnior Xuxa mandou direto para dentro do gol botafoguense. Genivaldo, que estava adiantado, não conseguiu evitar e o Santa Cruz abriu o placar no Almeidão.

O empate do Belo veio aos 22 minutos. Celico avançou e sofreu falta dentro da área. Pênalti, que o estreante meia Lenílson, ex-Linense, bateu bem sem chances para o goleiro Tiago Cardoso. Botafogo 1 a 1 Santa Cruz.

Ainda no primeiro tempo, o goleiro Genivaldo, sentindo tonturas, possivelmente decorrente de uma virose, deixou o campo para entrada de Rémerson.

Botafogo-PB e Santa Cruz se enfrentaram em amistoso neste sábado em João Pessoa (Foto: Larissa Keren / Globoesporte.com/pb)
Jogo foi equilibrado, mas caiu tecnicamente no segundo tempo (Foto: Larissa Keren / Globoesporte.com/pb)

Recém-contratados são testados e jogo cai tecnicamente

Na segunda etapa, os técnicos Marcelo Vilar, pelo Botafogo, e Sandro Barbosa, do lado do Santa,  promoveram várias mudanças para testar o elenco. A novidade do time tricolor, foi o lateral-esquerdo Panda, campeão da Copa do Nordeste pelo Campinense.

Com as alterações, o jogo caiu tecnicamente. Aos 30 minutos, o atacante Thiaguinho, do Botafogo, sofreu falta violenta de Everton Sena. No lance, o jogador acabou com uma luxação no tornozelo esquerdo, deixando o campo para entrada de Rafael Aidar.

Mas o time visitante quase desempata aos 40 minutos, quando Júnior Xuxa acertou a trave de Rémerson, mais uma vez em cobrança de falta. O árbitro João Bosco Sátiro deu cinco minutos de acréscimos. E o empate acabou sendo justo, pelo que os dois times fizeram em campo no último amistoso antes da volta das Séries D e C do Campeonato Brasileiro.

Os clubes agora vão se concentrar na retomada das competições nacionais, onde voltam a campo no dia 7 de julho. O Botafogo vai enfrentar o CSA. A partida acontecerá às 16h no Estádio Rei Pelé, em Maceió, pelo Grupo A-4 da quarta divisão.

Já o Santa Cruz, atual campeão pernambucano, recebe a visita do Cuiabá de Mato Grosso, no Arruda, em partida marcada para as 19h, pela terceira rodada do Grupo A da terceira divisão.

Fonte: globoesporte


Armazém Loureço
Cachorro Quente
CESP Carpina
Maxima Contabilidade

Compartilhe nas redes


Deixe seu comentário