Lacca Laboratório
Falub
Governo Junho
Farmácia Rangel
Esportes

Santa Cruz vence Águia-PA por 3 a 2, tira rival do G-4 e respira no Grupo A


Santa Cruz vence Águia-PA por 3 a 2, tira rival do G-4 e respira no Grupo A

Ainda não foi desta vez que o Santa Cruz retornou ao G-4, mas a derrota para o Fortaleza e as reclamações da torcida coral ficaram no passado com a vitória deste domingo sobre o Águia de Marabá. O Tricolor venceu o rival por 3 a 2, com gols de Everton Heleno (no primeiro tempo) e André Dias e Dênis Marques (na segunda parte do jogo). Os paraenses descontaram com Keno, ainda na etapa inicial, e Mael nos acréscimos. Os donos da casa ainda marcaram o quarto, com André Dias novamente, mas o lance foi invalidado pela arbitragem.

O Santa Cruz respira um pouco mais no Grupo A da Série C com a vitória deste domingo. O Tricolor foi a 24 pontos, segue na parte intermediária da tabela de classificação, mas não perde o G-4 de vista e se mantém mais distante da zona de rebaixamento. O Águia-PA segue com os mesmos 25 pontos de antes do duelo, mas perdeu a vaga entre os quatro melhores times da sua chave.

A 15ª rodada do Grupo A da Série C ocorrerá no próximo domingo. O Santa Cruz tentará uma vitória contra o Baraúnas, às 16h, no estádio Nazarenão, no Rio Grande do Norte. Uma vitória, dependendo da combinação de resultados, pode recolocar o time no G-4.

O Águia de Marabá voltará a jogar longe dos seus domínios e vai à Boca do Jacaré, no Distrito Federal, enfrentar o Brasiliense às 17h. Também perto do G-4, à frente do Santa Cruz, o time precisará da vitória para não se distanciar das primeiras colocações do Grupo A.
Ficha do jogo

Santa Cruz: Tiago Cardoso; Leandro Souza, Éverton Sena e Vágner; Nininho, Éverton Heleno  (Leozinho),Sandro Manoel, Raul (Flávio Caça-Rato) e Panda; Dênis Marques (Fabian Coronel) e André Dias. Técnico: Vica.

Águia: Jair; Menezes, Charles e Bernando (Vandro); Ceará (Neno), Marcel, Mael, Diogo Palhinha e Anderson Luiz; Diego Timbó (Neno) e Keno. Técnico: João Galvão.

Local: Arruda. Árbitro: Marcos André Gomes da Penha (SC). Assistentes: Fábio Faustino dos  Santos e Édson Glicério dos Santos (ambos de SC). Gols: Everton Heleno (7 do 1º) e Keno (25  do 1º), André dias (10 do 2°), Dênis Marques (34 do 2°) e Mael (46 do 2º). Cartões amarelos: Panda, Leozinho, Sandro Manoel , Leandro Souza, Vágner (SC), Menezes e  Ceará (A). Público: 29.628. Renda: R$ 299.120.

Com informações do Globoesporte PE e Superesportes PE


CESP Carpina
Maxima Contabilidade
Armazém Loureço
Cachorro Quente

Compartilhe nas redes


Deixe seu comentário