Farmácia Rangel
Falub
Lacca Laboratório
Governo Junho
Esportes

Sport em missão internacional contra o Libertad


Sport em missão internacional contra o Libertad

O Sport vai precisar esquecer a oscilação que tanto incomoda a torcida rubro-negra na Série B para encarara o Libertad, nesta quarta-feira, às 21h50, no estádio Feliciano Cáceres, no Paraguai, se quiser manter as chances de classificação à próxima fase da Sul-Americana. O time rubro-negro terá uma marcação forte para garantir um empate, ou pelo menos uma derrota com poucos gols de diferença, principalmente, marcando gols na casa do adversário, já que é critério de desempate. O segundo confontro entre as duas equipes está marcado para acontecer no dia 23 outubro, na Ilha do Retiro.

Para o primeiro duelo, o técnico Geninho mantém o esquema 3-5-2. Mas a novidade é a escalação. O comandante rubro-negro sacou Anderson Pedra, que caiu de rendimento nos últimos jogos do Campeonato Brasileiro. Para o seu lugar, Geninho escalou Tóbi, que volta a atuar na sua posição original. Assim, abre uma vaga para o jovem Osvaldo entrar na zaga, atuando ao lado de Pereira e Vinícius Simon. “Osvaldo está jogando muito bem e vem merecendo uma oportunidade. Se mantiver o ritmo das últimas partidas, tem tudo para se firmar como titular. E assim, Tobi vai brigar por uma vaga no meio”, declarou Geninho.

Na lateral-direita, Patric, que esteve fora do time em duas rodadas da Série B, está de volta ao time. O volante Chumacero, que esteve bem no jogo contra o Palmeiras, fica como opção no banco de reservas. Havia uma expectativa de o atleta aparecer como titular, por se tratar de um atleta estrangeiro e que poderia acrescentar experiência numa partida válida pela Sul-Americana.  “Conheço bem esse tipo de competição, pois competi com o The Strongest (seu ex-time na Bolívia) algumas vezes. E acho que temos chances de fazermos um bom confronto. Estamos concentrados nisso”, afirmou o volante, fica como opção no banco de reservas.

O técnico Geninho conversou bastante com o elenco rubro-negro. O comandante pediu para que o grupo tivesse atenção o tempo inteiro. Especialmente no sistema defensivo, que não vem apresentando um bom desempenho nos jogos da Série B. Geninho quer o Sport marcando forte e buscando o contra-ataque em velocidade. Mas nunca esquecendo do regulamento da competição. “Vamos ter todo o respeito com o nosso adversário. Não podemos deixar de falar que um empate é um ótimo resultado para nós. Assim, não temos a necessidade de nos atirar de qualquer forma ao ataque”, ponderou Geninho.


Ficha do jogo

Libertad
Muñoz; Moreira, Pedro Benítez, Gómez e Mencia; Romero, Vargas, Molinas e Jorge González; Recalde e Brian Montenegro. Técnico: Pedro Saraíba.

Sport
Magrão; Pereira, Oswaldo e Vinícius Simon; Patric, Tobi, Rithely, Lucas Lima e Marcelo Cordeiro; Marcos Aurélio e Felipe Azevedo. Técnico: Geninho.

Local: Estádio Feliciano Cáceres, em Luque, no Paraguai. Horário: 21h50. Árbitro: Saul Laverni (Argentina). Assistentes: Ivan Nuñez e Ezequiel Brailovsky (Ambos da Argentina).

Fonte: Blog do Torcedor


Cachorro Quente
Armazém Loureço
CESP Carpina
Maxima Contabilidade

Compartilhe nas redes


Deixe seu comentário