Lacca Laboratório
Farmácia Rangel
Falub
Governo Julho
Esportes

Brasil é hexacampeão sul-americano


Brasil é hexacampeão sul-americano

A Seleção Brasileira Feminina Sub-20 é hexacampeã sul-americana da categoria. Com gols de Andressa e Ludmila, o Brasil derrotou o Paraguai em Fray Bentos, no Uruguai.

As brasileiras podiam até empatar que levariam o título para casa, já que tinham nove gols de saldo, contra os seis paraguaios.

Entretanto, este não era o propósito nem o objetivo do Brasil. Toda a equipe queria ser campeã e para isso, as jogadoras lutaram durante os 90 minutos dentro de campo.

A cidade de Fray Bentos, que abraçou e apoiou a competição desde a primeira fase, esteve presente na grande final: mais de 800 pessoas assistiram a Brasil x Paraguai, no Parque Liebig’s.

Na primeira etapa, Djenifer quase abriu o placar. Andressa cobrou o escanteio, tocou para Patrícia Sochor que ajeitou para a volante do Brasil. O chute foi direto para fora.

Andressa bateu forte de fora da área, mas a bola raspou no travessão e saiu. Patrícia Sochor e Gabriela também tiveram suas oportunidades.

O Paraguai estava jogando recuado, mas aproveitava alguns contra ataques.

Ludmila foi derrubada na grande área e a capitã foi para a cobrança. Bola no alto, no canto direito da goleira Recalde, e 1 a 0 para o Brasil no placar.

Nos minutos iniciais da segunda etapa, as paraguaias estiveram a ponto de empatar. Em bola parada, elas cabecearam duas vezes até que a bola saiu.

Quem marcou, no lance seguinte foi o Brasil, com Ludmila. A atacante recebeu a bola de Andressa, driblou duas zagueiras e tocou na saída da goleira.

Depois de uma bela jogada da capitã e de Ludmila, Patrícia Sochor ficou cara a cara com a goleira Recalde. A camisa 11 tentou bater tirando da camisa 1 paraguaia, mas a bola foi para fora.

Apesar de ter algumas chances para os dois lados, o placar já estava definido: 2 a 0 e o título para a Seleção Brasileira.

Brasil: 1. Letícia Izidoro, 2. Letícia Santos, 3. Nágela, 4. Julia Bianchi e 6. Camila; 8. Djenifer e 5. Gabriela; 18. Ludmila (7. Maria Eduarda) , 10. Andressa e 11. Patrícia Sochor (20. Cássia); 21. Natália (9. Byanca)

Paraguai: Recalde, Mora, Fanny Godoy, Rosália Godoy, Riso, Alonso, Pico (Romero), Martínez (Espinolla), Garay (Hermosilla), Del Valle e Alvarez

Fonte: CBF


CESP Carpina
Armazém Loureço
Maxima Contabilidade
Cachorro Quente

Compartilhe nas redes


Deixe seu comentário