Farmácia Rangel
Falub
Lacca Laboratório
Esportes

Santa Cruz vence mais uma, aumenta invencibilidade e ganha moral na Série B


Santa Cruz vence mais uma, aumenta invencibilidade e ganha moral na Série B

Segue firme a retomada do Santa Cruz na Série B. O Tricolor voltou a vencer e a jogar bem neste sábado, diante do Bragantino, no Estádio Nabi Abi Chedid. Sólido na defesa e inteligente no contra-ataque, o time coral conquistou a primeira vitória fora de casa: 2×1.

Com o resultado positivo, o Mais Querido chegou ao 12º lugar da Série B, com 12 pontos conquistados. Já são cinco jogos sem derrota e o técnico Marcelo Martelotte está invicto desde o seu retorno. Na próxima terça-feira, o Santa enfrenta o CRB, no Estádio do Arruda.

O treinador do Santa Cruz, mais uma vez, surpreendeu e foi muito inteligente na escalação da equipe. Atuando de frente para a defesa adversária e armando o jogo, Renatinho teve uma grande atuação nesta tarde. Marlon e Anderson Aquino também foram muito bem. Aliás, não só eles, mas o time como um todo teve um funcionamento interessante.

Análise da partida

Foi um primeiro tempo equilibrado em Bragança Paulista. As duas equipes apostavam na forte marcação e na saída em velocidade para surpreender o adversário. Mas os sistemas defensivos acabaram prevalecendo.

Até os 30 minutos, o Tricolor foi levemente superior ao Bragantino. Tanto é que a melhor chance da etapa inicial foi da equipe coral. Em cobrança de escanteio, Anderson Aquino cabeceou por cima, livre de marcação.

Na parte final do primeiro tempo, o Bragantino cresceu na partida e começou a chegar com um pouco mais perigo. No entanto, o Santa Cruz estava bem posicionado e segurava as investidas da equipe paulista.

A nota triste da primeira etapa envolveu o zagueiro Alemão. O defensor teve um choque de cabeça com o lateral Marlon, teve que ser substituído e foi levado ao hospital. Contudo, o atleta estava consciente e fez sinal de positivo na saída do estádio.

O Santa Cruz, que já fazia uma partida eficiente, voltou ainda melhor no segundo tempo. Pressionando o Bragantino, o Mais Querido por pouco não abriu o placar em cobrança de falta de Nininho, aos dois minutos. O lateral entrou no lugar de Bileu no intervalo.

A equipe coral estava merecendo o gol. E ele veio aos 13 minutos. Marlon, muito bem na partida, fez o cruzamento e Anderson Aquino mostrou oportunismo e qualidade para mexer no marcador. 1×0 Santa.

Era natural que, após sofrer o gol, o Bragantino fosse mais incisivo. A equipe paulista tentou agredir o Santa Cruz, mas a defesa coral se manteve bem postada e concedeu pouco espaço ao adversário.

Em um lindo contra-ataque, aos 36 minutos, o Santa Cruz matou o jogo. Anderson Aquino montou toda a jogada e lançou Renatinho na cara do gol. O meio-campista coral, por cobertura, marcou um golaço. 2×0 Santa.

O Bragantino tentou reagir, mas era muito tarde. No último lance da partida, a equipe paulista ainda descontou com Rodolfo. No entanto, o apito final registrava uma nova vitória na conta do Mais Querido. A reação coral continua.

Fonte: Site Oficial do Santa Cruz


Armazém Loureço
Cachorro Quente
CESP Carpina
Maxima Contabilidade

Compartilhe nas redes


Deixe seu comentário