Farmácia Rangel
Lacca Laboratório
Falub
Esportes

Série “B”: Náutico vence a 2ª seguida e diminui diferença para o G-4


Série “B”: Náutico vence a 2ª seguida e diminui diferença para o G-4

O Náutico venceu o ABC-RN por 3×0, neste sábado (26), na Arena Pernambuco, pelo Campeonato Brasileiro da Série B. Os gols foram marcados pelos atacantes Bérgson (2) e Daniel Morais. Foi a primeira vez que o Timbu ganhou por três gols de diferença na competição.

A vitória deixa o Timbu a três pontos do G-4. Os alvirrubros têm 43 e estão no oitavo lugar. Na próxima rodada, o Náutico visitará o Oeste, no sábado, às 16h30, no Estádio José Liberatti, em Osasco-SP.

O Náutico buscou o ataque o tempo inteiro no primeiro tempo. Logo aos dois minutos, Rogerinho cruzou, Bergson cabeceou e o goleiro do ABC-RN, Saulo, fez uma grande defesa e colocou para escanteio.

Os visitantes responderam aos oito. Edno entrou na área, mas Júlio César conseguiu chegar primeiro e evitou a finalização. Aos 17, Bergson iria entrar na área de cara com Saulo, mas foi derrubado por Luizão. Como era o último jogador, o zagueiro potiguar foi expulso. Fellipe Soutto cobrou a falta e ela passou muito perto.

Aos 31, Gastón Filgueira finalizou a bola levou perigo. Dois minutos depois, Lucas Farias deixou Soutto de cara para o gol, mas ele chutou para fora. A bola tirou tinta da trave. Aos 43, Ednei cobrou escanteio fechado e a bola acertou a trave timbu.

No segundo tempo, o Náutico voltou com Hiltinho e Daniel Morais. As substituições do técnico Gilmar Dal Pozzo surtiram efeito e o Timbu abriu o placar aos dois minutos. Daniel Morais chutou de fora da área e a bola foi no canto esquerdo de Saulo, para a vibração da torcida alvirrubra.

Não demorou muito e o Náutico conseguiu ampliar o placar. Rogerinho deixou Bergson na cara do gol e ele, com tranquilidade, tocou por entre as pernas do goleiro da ABC. Os visitantes levaram perigo aos 13. Ronaldo Mendes chutou cruzado, Júlio César desviou e a bola foi para escanteio.

Os alvirrubros fizeram o terceiro gol aos 35. Bérgson tabelou com Daniel Morais, invadiu a área e tocou na saída do goleiro Saulo.

Desde a quinta e a sexta rodadas que o Náutico não vencia dois jogos seguidos. No final, a torcida fez a festa.

Hildo Neto / Comunicação CNC


CESP Carpina
Armazém Loureço
Cachorro Quente
Maxima Contabilidade

Compartilhe nas redes


Deixe seu comentário