Farmácia Rangel
Lacca Laboratório
Falub
Destaques

Justiça Eleitoral condena o pré-candidato a prefeito de Paudalho, Marcelo Gouveia por propaganda eleitoral antecipada


Justiça Eleitoral condena o pré-candidato a prefeito de Paudalho, Marcelo Gouveia por propaganda eleitoral antecipadaFoto: José Mailson / Voz de Pernambuco

A Justiça Eleitoral condenou o pré-candidato a prefeito de Paudlaho, Marcelo Gouveia (PSD), por propaganda eleitoral antecipada.

Por conta da condenação, a Justiça Eleitoral aplicou multa no valor de R$ 5 mil ao pessedista. A denúncia foi ajuizada pelo jurídico do PSB em Paudalho.

De acordo com a denúncia, Marcelo Gouveia, filho do ex-prefeito Eufrásio Gouveia, realizou propaganda eleitoral extemporânea por meio de adesivos que trazia seu slogan: “Juntos somos mais fortes- Muda Paudalho”, mesma mensagem que estampa seu perfil em uma rede social.

A lei nº 13.165/2015, que reformou a lei nº 9.504/1997, conhecida como “Lei das Eleições”, proíbe veementemente essa prática. A decisão diz que por coerência, a utilização dessas mídias não pode ser admitida em atos de pré-campanha. Baseado na lei, a juíza eleitoral, Dr. Maria Betânia Martins da Hora Rocha, aplicou uma multa de R$5 mil (cinco mil reais), solicitando ainda retirar da internet todas as postagens que façam referência implícita ou explícita a pré-candidatura, bem como a confecção e distribuição de adesivos,  com a possiblidade de pena de R$1 mil (hum mil reais) dia caso permaneça.

Com informações da Assessoria do PSB


Cachorro Quente
Maxima Contabilidade
Armazém Loureço
CESP Carpina

Compartilhe nas redes


Deixe seu comentário