Lacca Laboratório
Governo Junho
Falub
Farmácia Rangel
Aliança

Polícia Civil promove encontro de mãe e filho que não se viam há mais de 20 anos


Polícia Civil promove encontro de mãe e filho que não se viam há mais de 20 anos

A Polícia Civil da cidade de Condado, promoveu um reencontro entre mãe e Filho, separados há mais de 20 anos. A ação que contou com ajuda da 11ª Desec/Carpina nas investigações, aconteceu na Zona Rural de Aliança, na tarde do último domingo (13), Dia das Mães. Na ocasião, Dona Mirian pode rever o filho Cláudio da Silva Leite, que não via há mais de 20 anos, não tendo notícias. Ele estava morando em Carpina.

Segundo as informações repassadas, os policiais da Delegacia de Condado e da 11ª Desec, estavam há um mês nas investigações, após Dona Mirian ter solicitado ajuda do efetivo para localizar o filho, que ela não via há 20 anos. Ela teria relatado que era muito jovem quando se separou do na época, companheiro José Luis, com quem teve dois filhos. Na separação, ela ficou com a menina, Ana Cláudia e o ex-esposo, ficou com o menino, Cláudio. Desde então, ela não teve mais informações dele.

Com todas as informações coletadas, os policiais realizaram as investigações e descobriram que o rapaz estava morando na cidade carpinense. Sensibilizados com a situação, os policiais pediram ajuda ao Malhas da Lei da Polícia Civil da 11ª Desec/Carpina, para localizar Cláudio. Durante todo o último sábado (11), Policiais Civis do Malhas da Lei conseguiram encontrar o rapaz. Quando soube da possibilidade de reencontrar a mãe, ele não titubeou, não conseguiu conter a emoção e a ansiedade.

Os Policiais checaram toda a documentação, Certidão de Nascimento, Carteira de Identidade, além das histórias ouvidas do Pai, da Mãe e de outros parentes e confirmaram tratar-se de Mãe e Filho. Eles combinaram de fazer o tão aguardado encontro, no domingo (12), pela tarde.

O efetivo policial foi até Carpina para buscar Cláudio, a esposa dele Emanuelle, o pai José Correia e a mãe adotiva, Dona Maria de Lourdes, seguiram para Condado, cidade mais próxima, e de lá, foram até aliança, onde a mãe biológica mora. O encontro foi marcado por muita emoção e alegria. Ao final, os policiais destacaram a importância da ação, e a felicidade em realizar o reencontro. “A Polícia civil de Pernambuco, cumprindo seu Papel institucional, mas não deixando de lado o calor humano, o sentimento e a emoção de ajudar as pessoas a conquistar seus sonhos”, destacou a nota.


Maxima Contabilidade
Armazém Loureço
CESP Carpina
Cachorro Quente

Compartilhe nas redes


Deixe seu comentário