Lacca Laboratório
Falub
Farmácia Rangel
Carpina

Polícia Federal deflagrou operação em Carpina e Tracunhaém


Polícia Federal deflagrou operação em Carpina e Tracunhaém

Na manhã desta sexta-feira (25), a Polícia Federal deflagrou uma operação denominada de “Grão de Areia” nos municípios de Carpina e Tracunhaém. Segundo a PF, foram cumpridos três mandados de busca e apreensão nas cidades, onde o objetivo é combater a extração ilegal de areia na cidade de Pedras de Fogo, na Paraíba.

“Donos de areeiros clandestinos extraem e vendem o minério e, após o esgotamento da reserva, abandonam a área e a deixam totalmente degradada. Não pagam royalties, taxas, impostos, ou seja, praticamente não tem custo. Pagam apenas o aluguel da máquina, se não for o dono, e a diária do operador ou do ficheiro” disse à PF em nota divulgada à imprensa.

“Tais empresários atuam extraindo e comercializando areia sem autorização específica da Agência Nacional de Mineração e do órgão ambiental estadual, no caso a SUDEMA.  Vendem a carrada de areia extraída ilegalmente por um valor bem menor, desestimulando o comércio lícito, já que prejudicam quem vende legalizado, ante a concorrência desleal. Além dos donos dos areeiros, ficheiros e operadores de máquinas, os caçambeiros também podem ser indiciados por usurpação de matéria-prima da União e crime ambiental” completou a PF. Os crimes cometidos na ação podem ocasionar em detenção de até seis anos


Armazém Loureço
Cachorro Quente
Maxima Contabilidade
CESP Carpina

Compartilhe nas redes


Deixe seu comentário