Falub
Lacca Laboratório
Farmácia Rangel
Cidades

Secretaria de Defesa Social apresentou detalhes sobre o Caso Beatriz


Secretaria de Defesa Social apresentou detalhes sobre o Caso Beatriz

Na última quarta-feira (12), a Secretaria de Defesa Social de Pernambuco (SDS-PE) apresentou detalhes da investigação que identificou o autor do assassinato de Beatriz Angélica Mota, garota de sete anos morta em 2015, em Petrolina, no Sertão. A identificação do suspeito deu-se por meio de análises a partir de material do banco de perfis genéticos do Instituto de Genética Forense Eduardo Campos. A perícia confrontou o material recolhido na faca utilizada no crime com o DNA do suspeito, que já se encontrava preso por outros delitos, em uma unidade prisional do Estado.

De acordo com o secretário de Defesa Social, Humberto Freire, o suspeito confessou o crime ao ser ouvido pelos delegados da Força-Tarefa. Além da prova pericial obtida com o exame de DNA, seu depoimento foi confrontado com outras provas produzidas ao longo do inquérito policial, o que resultou em elementos suficientes para o indiciamento. Em cumprimento ao que determina a Lei de Abuso de Autoridade, no seu artigo 38, as informações sobre o autor do crime não podem ser fornecidas neste momento.


CESP Carpina
Cachorro Quente
Maxima Contabilidade
Armazém Loureço

Compartilhe nas redes


Deixe seu comentário